A+ A-

Notícias

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Bahia sediará road show sobre comércio exterior

A capacitação Small Business Champions está programada para acontecer em julho, em Salvador
 
iris Comex.jpg
 
à direita na foto: Leandro Barcelos, analista de Política e Indústria, e Constanza Negrini, gerente de Política Comercial, ambos da CNI. Foto: Íris Moreira Leandro.
 
Voltado para micro, pequenas e médias empresas, associações e sindicatos da indústria, Salvador sediará, no mês de julho, a Small Business Champions, capacitação sobre barreiras comerciais e investimentos. O evento é um iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) em parceria com a Organização Mundial do Comércio (OMC)/ICC (Câmara de Comércio Indústria Nacional). O evento foi uma das pautas discutidas nesta terça-feira, 5.6, na reunião do Conselho de Comércio Exterior (COMEX) da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), que trouxe a Salvador Constanza Negrini, gerente de Política Comercial e Leandro Barcelos, analista de Política e Indústria, ambos da CNI. Além do Small Business, foram tratadas algumas questões referentes  à Politica e Defesa Comercial que são tratadas pela CNI.
 
 
A  Small Business Champions faz parte do Projeto Small Business Without Barriers, que realizará road shows em nove estados. A iniciativa visa capacitar sobre barreiras comerciais e disseminar o Sistema Eletrônico de Monitoramento de Barreiras (SEM Barreiras), do governo federal. O projeto já aconteceu no Paraná e os próximos, além da Bahia, serão no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Amazonas e Minas Gerais. A importância do engajamento e formação dos conselhos em perspectiva internacional foi ressaltada por Leandro Barcelos. "Essa capacitação é um grande passo para que as empresas pensem em caminhos para acessar mercados estrangeiros.", explicou Leandro.
 
 
Além disso, durante a reunião foi apresentada a perspectiva de atuação Internacional da CNI e as prioridades da Agenda Internacional da Indústria de 2018. “Essa agenda tem como objetivo principal identificar medidas para aumentar a competitividade e estratégias da indústria brasileira”, destacou Constanza. Durante o encontro foi esclarecido o processo de elaboração da agenda, que contou com a contribuição de associações e federações de indústrias. O documento traz recomendações de políticas para o governo e ações desenvolvidas pela CNI. O foco foi nos assuntos de defesa de interesse, tais como facilitação de comércio, barreiras em terceiros mercados, investimentos, tributações do comércio exterior e financiamento. 
 
 
O Comex é um dos Conselhos Temáticos da FIEB que objetivam a formulação de estratégias para subsidiar processos decisórios, posicionamento político e socioeconômico da Federação. O conselho cumpre a função de dar suporte à matriz industrial da Bahia, que tem conexões internacionais atuantes em segmentos como petroquímica, celulose, papel e automóveis.