A+ A-

Notícias

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Seminário de Boas Práticas reconhece as melhores experiências em educação

Premiados em educação regular Foto: Angelo Pontes/Coperphoto/Sisteam FIEB

 

As melhores práticas adotadas nas escolas da Rede SESI de Educação foram premiadas, na sexta-feira, dia 6.10, pela gerência de Educação do SESI Bahia, durante o Seminário Boas Práticas 2017. Foram selecionados, de um total de 43 trabalhos apresentados, seis iniciativas, sendo três de educação regular e três de educação continuada e de jovens e adultos (EJA). Ao final da premiação foi lançado o tema do Boas Práticas 2018 que será A Avaliação: Repensando as Nossas Práticas.


Os professores e coordenadores pedagógicos tiveram como desafio para este ano, desenvolver projetos em sala de aula sobre o tema Educação Integral: a Família no Processo Educativo.  Foram vencedoras as iniciativas em educação regular da Escola SESI Inês Pitta de Almeida, em Barreiras, com o trabalho Adote uma Família; da Escola SESI José Carvalho, de Feira de Santana, com o Café Espanhol; e da Escola SESI João Ubaldo Ribeiro, de Luís Eduardo Magalhães,  com  o projeto Formação de Familiares para a Ciência.


Em educação continuada e EJA foram vencedores da edição 2017 os trabalhos das unidades RMS (Região Metropolitana de Salvador) e Norte, com os trabalhos Sarau EJA: Partilhando as Sementes e Aproximando as Comunidades Escolar e Familiar (EJA), o projeto Minha História faz História (EJA) e Alimentação Saudável para Toda a Família, de Educação Continuada.

 

Premiados da edição 2017 do Prêmio Boas Práticas de Educação Foto: Angelo Pontes/Coperphoto/Sistema FIEB

 

O evento foi aberto pelo superintendente do SESI Bahia, Armando Neto, que destacou a maciça participação dos professores das escolas do SESI do interior. Ele também destacou a expansão da rede SESI, assegurando a ampliação da prestação dos serviços do SESI para a indústria nos municípios baianos.


 A gerente de educação da Rede SESI, Cléssia Lobo, ressaltou que o seminário é uma oportunidade não apenas de reunir os professores da rede SESI para que eles apresentem as melhores práticas desenvolvidas ao longo do ano, não somente para reconhecê-los e valorizá-los, mas também para disseminar estas práticas. “Temos uma rede grande de escolas, que vem crescendo, e é importante que a gente consiga fazer com que haja esta troca de experiências. E no mês em que se comemora o dia do professor, esta iniciativa é também um indicativo de que a gente valoriza o profissional docente”, destacou.


Para os vencedores, foi um momento de alegria pelo reconhecimento de suas iniciativas pedagógicas. Lívia Laurindo, que venceu com o projeto Adote uma Família, disse que  o prêmio representou um reconhecimento ao seu trabalho e que vai servir para estimulá-la a continuar a fazer cada vez mais e melhor. O projeto Formação de Familiares para à Ciência, realizado pelas professoras Thamara Almeida e Juliana Oliveira, mostrou como o envolvimento da família no processo educacional pode dar excelentes resultados e reforçar o compromisso da família com o desenvolvimento educativo dos filhos.


METODOLOGIA


Os trabalhos submetidos ao Seminário de Boas Práticas - 2017 passaram por um rigoroso processo de julgamento, do tipo blind peer review (julgamento cego por pares), no qual a identidade do autor é um elemento não fornecido aos avaliadores.

A avaliação foi realizada por uma Comissão Técnica, composta por doutores, mestres, mestrandos e especialistas das seguintes instituições de ensino: UFRB, UNIFACS, UEFS, UFBA, UNEB, UNINTER, UNIP, UNILEÃO, IFBA, IFBAIANO, SENAC, Rede Estadual de Ensino, Prefeitura Municipal de Salvador e Instituto Aplicado de Educação Superior, Faculdade Batista Brasileira, FCG (Faculdade de Capim Grosso), Facultad de Ciencias de la Educación (UDE/FCED), Faculdade São Francisco de Juazeiro – FASJ, Faculdade Maurício de Nassau/USACH e Colégio Salesiano Dom Bosco.

Cada trabalho teve entre 2 e 3 avaliadores, membros da Comissão Técnica do Seminário. O resultado final da avaliação de cada submissão, que corresponde à média das avaliações dos revisores, foi indicador decisório para a classificação dos trabalhos premiados.

Veja fotos do evento no Flickr/sistemafieb

CONFIRA OS TRABALHOS PREMIADOS


EDUCAÇÃO REGULAR

  •   FORMAÇÃO DE FAMILIARES PARA À CIÊNCIA -   Thamara Araújo Almeida e Juliana Inês Segatto Oliveira -   Escola SESI João Ubaldo Ribeiro, Luís Eduardo Magalhães
  •  CAFÉ ESPAÑOL -   Francilma Carneiro de Araújo    Escola SESI José Carvalho, Feira de Santana
  •  ADOTE UMA FAMÍLIA  -  Lívia dos Santos Ribeiro Laurindo e Yane Manuela Lima Marques da Silveira    Escola SESI Ignez Pitta, Barreiras


EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

  •  SARAU DA EJA: PARTILHANDO AS SEMENTES E APROXIMANDO AS COMUNIDADES ESCOLAR E FAMILIAR -  Leliany Robérica Rocha Bomfim Mazzei e Fernanda Brito da Silva -  Unidade EJA RMS
  •  PROJETO MINHA HISTÓRIA FAZ HISTÓRIA -  Ítalo Alan Barbosa Bispo e Kellen Virgínia Fernandes Passos  -  Unidade EJA Norte

EDUCAÇÃO CONTINUADA

  •  ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL PARA TODA FAMÍLIA -   Ricardo Henrique Pereira de Oliveira e Ingrid Paula de Oliveira Silva - SESI  Norte